|
|
Search
Close this search box.

Nova Rota do Oeste anuncia início de duplicação da rodovia dos Imigrantes

Trabalho começa na ponte sobre o Rio Cuiabá e terá frentes em Várzea Grande e Cuiabá

A Nova Rota do Oeste, empresa sob o controle do Governo do Estado de Mato Grosso, anuncia nesta sexta-feira (24.05.2024) o início da obra de duplicação em um dos pontos mais icônicos do trecho sob concessão, a rodovia dos Imigrantes (BR-070) – que contorna Cuiabá e Várzea Grande. O esperado anúncio ocorre em evento a ser realizado às 16h, no Posto Siga Bem (km 515, em Várzea Grande). O investimento previsto é de R$ 600 milhões para duplicação dos 28,1 quilômetros da rodovia, recuperação da pista antiga, cinco viadutos, pistas marginais, retornos em nível, acesso estruturado à comunidade de Bonsucesso e a duplicação da ponte sobre o Rio Cuiabá, por onde a obra irá iniciar.

A duplicação terá duas frentes independentes. No Lote I, será dada ordem de serviço de R$ 302 milhões, que contempla um trecho de 16,3 quilômetros, entre o km 495,9 (Cuiabá) e o km 512,2 (Várzea Grande) da BR-070, incluindo a ponte sobre o Rio Cuiabá. O prazo para conclusão desse pacote de obras é de 18 meses. No Lote II, que demandou mais tempo de discussão de projeto em decorrência da complexidade do segmento urbano de Várzea Grande, da ponte até o Trevo do Lagarto, nesta sexta-feira (24) será dada autorização de contratação da empresa construtora, processo que deve ser concluído já no segundo semestre e deve alcançar um investimento de R$ 298 milhões. As duas frentes acontecem concomitantes.

O projeto contempla soluções para pontos importantes, como a transposição centro-bairro nas regiões do São Mateus (avenida Filinto Muller), Capão Grande e Praia Grande. Também traz alternativas no entroncamento de acesso a Santo Antonio do Leverger, no acesso ao tradicional distrito de Bonsucesso, além de 5,5 quilômetros de vias marginais para atender ao comércio e serviços da travessia urbana de Várzea Grande.

“Sabemos o quanto esta obra é emblemática para Cuiabá e Várzea Grande, cujo perímetro urbano já abraçou a rodovia. Era um dos nossos pontos prioritários e estamos muito satisfeitos com o resultado do projeto. Temos confiança de que ele irá resolver os gargalos viários e de segurança que temos lá hoje”, afirmou o diretor-presidente da Nova Rota do Oeste, Luciano Uchoa.

Prioridade – A modernização do projeto da Rodovia dos Imigrantes vem sendo trabalhada pelas equipes de engenharia da Nova Rota desde a troca de controle para o Governo de MT e a consequente retomada das obras. O desafio era atender a demanda atual de transportes e ainda atender aos municípios, principalmente no trecho de Várzea Grande. O projeto antigo tinha mais de 10 anos, não considerava o desenvolvimento dos municípios abrangidos pela rodovia e, portanto, demandava atualização.

Evento – A cerimônia para assinatura da ordem de serviço do Lote I e autorização para contratação da empresa para trabalhar no Lote II contará com a presença do governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, presidente do Conselho de Administração da Concessionária, Cidinho Santos, representantes da comunidade do entorno da rodovia e da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Esta é a terceira frente de duplicação lançada desde que o Governo de Mato Grosso, por meio da MT Par, assumiu a Nova Rota do Oeste. E segue o cronograma de prioridades estabelecido pelo Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado entre a Concessionária e a ANTT.

Serviço:
O que: Início da duplicação da Rodovia dos Imigrantes – Ordem de serviço do Lote I e autorização de contratação do Lote II
Local: Posto Siga Bem – Rodovia dos Imigrantes, km 515 – Várzea Grande
Data: 24/05/24
Horário: 16h

 

 

Posts Relacionados

Você também pode gostar

Veja aqui as publicações relacionadas

Rolar para cima
Pular para o conteúdo